quinta-feira, 5 de maio de 2022

 


Parece que a igreja Assembleia de Deus resolveu entrar de cabeça, como jamais o fez, em uma campanha eleitoral presidencial. Publicações de setores ligados à Igreja informam que o pastor Wellington Júnior, presidente da Convenção Geral dos Ministros das Igrejas Assembleias de Deus no Brasil (CGADB), está proibindo os pastores de receberem o pré-candidato Lula (PT) em seus templos.


"Wellington Júnior, alertou aos Pastores quanto a receber o candidato do PT, o ex presidiário Lula em seus templos e fez algumas revelações. Ele disse que Lula está TERMINAMENTE proibido de entrar no atual templo sede da AD Belém/SP", traz um dos textos divulgados por um segmento denominado 'Assembleianos de Valor'.


O presidente da CGADB teria declarado que existem pastores que tentam convencer o patriarca José Wellington Bezerra da Costa a receber Lula no atual templo sede da AD Belém em SP. Ao que ele respondeu: "Não cabe irmão, o inferno não tem como entrar no lugar santo”... "É bom que nos conscientizemos disso. Você, pastor, vai ser procurado sorrateiramente por petistas, dizendo que é só uma visita. (É um laço do diabo", prosseguiu em culto realizado na cidade de São Paulo no último fim de semana e registrado nas redes sociais


"(...) A Assembleia de Deus não está em cima de muro. Mas ela está bem posicionada contra os princípios das trevas, contra partidos que ferem os princípios das Escrituras sagradas. E mesmo com os Pastores e a Igreja mostrando qual o caminho a seguir, ainda existe crentes rebeldes e desobedientes que insistem em seguir outro caminho", traz outro trecho do comunicado.

A decisão de barrar Lula na Assembleia de Deus teria sido tomada na segunda-feira (02/04), durante Reunião da CGABD em São Paulo.

A nossa Igreja tem o seu perfil. A nossa igreja tem o seu posicionamento. Não adianta ficar em cima do muro não, ou é ou não é. Ou somos pelos preceitos morais, ou somos contra o aborto, ou somos contra a ideologia de gênero. A igreja quer ver a nossa posição! A igreja não quer ver Pastor em cima do muro”, teria justificado Wellington Júnior.


A poucos dias o PT ingressou com representação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) contra o pastor, o acusando de fazer propaganda eleitoral antecipada para o presidente Jair Bolsonaro (PT), em Cuiabá.

0 comentários:

Postar um comentário

ARMAZÉM PARAÍBA

ARMAZÉM PARAÍBA
Sucesso em qualquer lugar!

INSTITUTO PEDREIRENSE DE EDUCAÇÃO E EXTENSÃO

INSTITUTO PEDREIRENSE DE EDUCAÇÃO E EXTENSÃO
Seu futuro começa aqui!

Clínica Santo Expedito

Clínica Santo Expedito
Sua saúde merece o melhor!

PEDREIRAS FELIZ

PEDREIRAS FELIZ
Lugar de gente feliz

VERDURÃO E HOTIFRUTI PRIMOS

VERDURÃO E HOTIFRUTI PRIMOS

Dr. Jailson Silva

Dr. Jailson Silva
Advogado

DR. MATEUS ATTA

DR. MATEUS ATTA
ADVOGADO

Novelty telecom

Novelty telecom
Lima Campos

BRASIL GÁS

BRASIL GÁS
LIMA CAMPOS

Receber Noticias

Facebook