terça-feira, 1 de dezembro de 2020

 



O secretário nacional de Vigilância em Saúde, Arnaldo Correia de Medeiros, afirmou nesta terça-feira (1º) que a câmara técnica que foi formada para planejar a vacinação contra a Covid-19 no país concluiu uma etapa da preparação dos trabalhos.

 

"A partir de hoje, o Brasil começa a pensar de forma mais concreta a vacinação contra a Covid-19", disse Medeiros.


                         PUBLICIDADE



O secretário afirmou que serão grupos prioritários para a vacinação os idosos, as pessoas com comorbidades, os profissionais da saúde, os indígenas e as pessoas privadas de liberdade, adultos e crianças.

Na primeira fase, a intenção é que entrem profissionais de saúde, os idosos a partir dos 75 anos, os que têm 60 ou mais e vivem em asilos ou instituições psiquiátricas e os indígenas. Na segunda etapa, as pessoas entre 60 e 74 anos.

 

Na terceira fase, as pessoas com comorbidades que podem agravar a Covid-19, como pessoas com doenças renais crônicas e cardiovasculares. A quarta e última fase inclui professores, forças de segurança e salvamento, funcionários do sistema prisional e a população privada de liberdade.

 

Vacinas

Sem mencionar nenhuma vacina em estudo, Medeiros afirmou que o governo considera todos os projetos de imunizantes em teste no país.

 

"O governo brasileiro não tem preferência por nenhum laboratório. Nossa preocupação sempre é a eficácia e a segurança da vacina, desde que seja devidamente registrada na agência regulatória, que é a Anvisa", afirmou o secretário.

0 comentários:

Postar um comentário

PEDREIRAS FELIZ

PEDREIRAS FELIZ
Lugar de gente feliz

Clínica Santo Expedito

Clínica Santo Expedito
Sua saúde merece o melhor!

Ótica Madrid

Ótica Madrid
Cuidando da saúde dos seus olhos

Novelty telecom

Novelty telecom
Lima Campos

BRASIL GÁS

BRASIL GÁS
LIMA CAMPOS

Dr. Jailson Silva

Dr. Jailson Silva
Advogado

DR. MATEUS ATTA

DR. MATEUS ATTA
ADVOGADO

Receber Noticias

Facebook