terça-feira, 7 de maio de 2019

 
A Polícia Civil do Maranhão através da 2ª Delegacia Regional de Itapecuru Mirim, prendeu na manhã desta terça-feira (7) em cumprimento de prisão preventiva, Jackson Matos Pereira (40), e Marilene dos Santos Menezes (45), supostamente envolvidos no crime de homicídio qualificado e ocultação de cadáver, cuja vítima era uma criança recém-nascida, que foi encontrada no Povoado Vinagre, com a cabeça e membros separados do corpo, na última sexta feira (3).

A ordem de prisão foi representada pela Delegada da Mulher, Tainara Mendes Cunha, que estava no plantão no último do fim de semana, juntamente com a equipe, logo que identificou, através de imagens de câmera filmadora, um veículo Fiat Way, cor vermelha, nas proximidades onde os restos mortais da criança foram deixados.

O casal foi localizado pela Polícia Civil, no Bairro D.E.R., e suspeitou, inicialmente, da prática de rituais de magia negra, embora Jackson Pereira alegou durante o seu interrogatório, que não sabia que era um corpo de criança, e pensando ser carne podre, esquecida por algum cliente, jogou como se fosse lixo.

Nesta tarde (7), a filha do casal se apresentou à sede da delegacia após ter conhecimento da prisão dos seus pais, informando abortou espontaneamente, e colocou a criança em pedaços, dentro do saco de lixo colocando dentro do carro do pai taxista e que o mesmo não sabia, pois havia escondido a gravidez até então, fato que será esclarecido e elucidado com o resultado da Perícia do IML.


Do Blog Carlos Barroso 

0 comentários:

Postar um comentário

PEDREIRAS FELIZ

PEDREIRAS FELIZ
Lugar de gente feliz

Clínica Santo Expedito

Clínica Santo Expedito
Sua saúde merece o melhor!

Ótica Madrid

Ótica Madrid
Cuidando da saúde dos seus olhos

Novelty telecom

Novelty telecom
Lima Campos

BRASIL GÁS

BRASIL GÁS
LIMA CAMPOS

Dr. Jailson Silva

Dr. Jailson Silva
Advogado

DR. MATEUS ATTA

DR. MATEUS ATTA
ADVOGADO

Receber Noticias

Facebook