segunda-feira, 27 de maio de 2019
Familiares de presos aguardam notícias do lado de fora após massacre em presídio de Manaus, no Amazonas — Foto: Bruno Kelly/Reuters
                                                                                                       Foto: Bruno Kelly/Reuters

Segundo o governo do estado, corpos foram encontrados nesta segunda e indícios apontam mortes por asfixia. No domingo, briga havia deixado 15 mortos no Compaj.


Quarenta presos foram encontrados mortos dentro de cadeias em Manaus nesta segunda-feira (27), informou a Secretaria de Administração Penitenciária (Seap). Inicialmente, o governo do Amazonas havia dito que eram 42 mortos.


A Secretaria de Administração Penitenciária (Seap) informou que todas as mortes desta segunda tinham indício de asfixia. Elas ocorreram nas seguintes unidades:
·         Instituto Penal Antônio Trindade (Ipat) – 25 mortos;
·         Unidade Prisional do Puraquequara (UPP) – 6 mortos;
·         Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM 1) – 5 mortos;
·         Compaj – 4 mortos.
Familiares de presos aguardam notícias do lado de fora após massacre em presídio de Manaus — Foto: Bruno Kelly/Reuters
                                                                     Foto: Bruno Kelly/Reuters


Do G1.com

0 comentários:

Postar um comentário

Receber Noticias

Facebook

Brasileiro (A)