domingo, 28 de abril de 2019
A duplicação da BR-135 tem sido marcada por impasses. A obra começou em 2012 já custou mais de meio bilhão de reais e já apresenta uma série de problemas estruturais. O valor que já foi gasto é mais que o dobro do orçamento inicial, que era de 213 milhões.
Técnicos da Secretaria de Indústria, Comércio e Energia (Seinc) estiveram realizando uma visita técnica junto a representantes do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT) e do Exército Brasileiro, para vistoriar o terreno onde funcionava o setor administrativo da Refinaria Premium.
O terreno, que está sob responsabilidade da Seinc, está sendo analisado par ser a base de apoio do Exército, que deverá assumir a retomada das obras de duplicação BR-135.

0 comentários:

Postar um comentário

Receber Noticias

Facebook

Brasileiro (A)