terça-feira, 27 de novembro de 2018
Polícia identifica chefe do bando que atacou agência em Bacabal 
  A polícia do Maranhão estima que a quadrilha tenha roubado em Bacabal cerca de R$ 100 milhões. Até o momento, R$ 3 milhões já foram recuperados pelos policiais.
A investigação aponta que o líder da quadrilha responsável pelo assalto a agência do Banco do Brasil ocorrida na noite de domingo (25) na cidade de Bacabal, a 240 km de São Luís.
Segundo a polícia, José Francisco Lumes, mais conhecido como “Zé de Lessa”, estava no município comandando pessoalmente a ação da quadrilha.
De acordo com a polícia, “Zé de Lessa” é bastante conhecido por crimes em todo o país, especialmente por roubos a banco. Natural do estado da Bahia, “Zé de Lessa” começou na vida do crime fazendo assalto a instituições financeiras. Foi preso algumas vezes e a última vez que saiu da prisão foi para terminar de cumprir a pena no regime domiciliar.
A Secretaria de Segurança Pública do Maranhão (SSP-MA) confirmou que três assaltantes foram mortos em confronto com a polícia. Um morador da cidade também morreu durante a troca de tiros.
Na manhã desta terça-feira (27), o delegado Carlos Renato confirmou que outro morador também foi atingido por disparos de arma de fogo e segue em recuperação.
Agência do Banco do Brasil ficou completamente destruída após ataque dos bandidos em Bacabal
Sobre as prisões, duas pessoas foram flagradas pela Polícia Militar dentro da agência recolhendo as cédulas deixadas para trás pelos bandidos e, por isso, foram encaminhadas à delegacia.
“A informação a priori é que ele estava no meio do tiroteio e não era refém. O civil morreu de imediato durante o fato por conta de bala perdida de um dos assaltantes”,contou o delegado Luciano Correia, responsável pelo Departamento de Combate a Roubo às Instituições Financeiras.
A ação criminosa aconteceu por volta das 22h de domingo (25) e os bandidos estavam fortemente armados. Durante a ação, os criminosos incendiaram viaturas e ainda atacaram o quartel do 15º Batalhão da Polícia Militar e também a Delegacia Regional de Polícia Civil.
A Secretaria de Segurança Pública do Maranhão informou que foram deslocadas várias equipes das Polícias Civil e Militar para o município e cidades vizinhas.
A Polícia informou ainda que está estudando a conexão dos envolvidos com quadrilhas de outros estados. A quantia de dinheiro levada pela quadrilha não foi informada pela SSP.

0 comentários:

Postar um comentário

Rede Sociais

Receber Noticias

Facebook

Horóscopo

NOVELTY telecom

NOVELTY telecom
LIMA CAMPOS

DIST. BRASIL GÁS

DIST. BRASIL GÁS
ÁGUA É VIDA