quarta-feira, 6 de junho de 2018


Tá repreendido! Evangélicos sobem ao monte para orar e são assaltados por 8 elementos em Pedreiras

Um maior de idade foi preso e um menor apreendido acusados de participar do assalto aos dois evangélicos

Dois evangélicos decidiram fazer uma oração, por volta do meio dia desta quarta-feira (06). Eles escolheram um dos montes nas proximidades do Bairro Maria Rita, também conhecido como “Loteamento Chicote.”

Chegaram ao local, estacionaram a moto e, debaixo do sol inclemente das 12 horas, se ajoelharam e começaram a orar.

Enquanto faziam seus clamores, pedidos e agradecimentos a Deus, os evangélicos foram surpreendidos, por nada mais e nada menos, que 8 assaltantes.

Eles estavam armados com pistolas, revólver e garrucha; os 8 bandidos, cercaram os irmãos e anunciaram o assalto.

Ainda segundo informações, eles tomaram de um evangélico a quantia de R$ 300,00 (trezentos reais) e do outro R$ 700,00 (setecentos reais), mais um aparelho celular e um relógio.


Uma das vítimas clamou para os meliantes para não roubarem eles.

“Oh, meus irmãos, eu sou evangélico, não me assaltem, não, porque estou orando por vocês”, pediu.

“Nada! Não vamos levar a moto de vocês, nós só queremos o dinheiro e os celulares”, informou um dos bandidos.

“Pois não leva o meu celular, tá com o visor quebrado, não presta para nada, mas preciso dele.”

Os assaltantes atenderam a esse pedido e deixaram o aparelho celular e a moto. Em seguida, fugiram em direção ao Bairro do Matadouro.

Os evangélicos imediatamente procuraram a delegacia para denunciar o assalto e registrar o B.O. A polícia militar agiu rápida e conseguiu localizar no Bairro Matadouro, dois suspeitos de participar no assalto: um adolescente e outro maior de idade. Eles estavam com o relógio da vítima. 

Com os dois, os policiais encontraram também objetos de um veículo e suspeitam que  são do Fiat Uno foi tomado de assalto recentemente no Bairro Maria Rita. O veículo foi recuperado horas depois pela polícia, porém, alguns objetos do mesmo estavam faltando.

A polícia acredita que os dois conduzidos além de fazer parte do bando que assaltou os evangélicos, pertençam ao bando que tomou o carro de assalto.   

O maior de idade preso forneceu um nome, porém, os policiais desconfiam que se trata de um nome falso. Ele é de São Luís, mas está residindo em Pedreiras.
Meliante de São Luís agindo em Pedreiras
Blog Carlinhos 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

trhtr

trhtr
htrhrthrt