quinta-feira, 12 de abril de 2018
Os municípios de Marajá do Sena, Presidente Vargas, Brejo, Pedreiras e Trizidela do Vale estão em estado de emergência. 
Cemitério municipal de Estreito amanheceu embaixo d'água.  (Foto: Divulgação / TV Mirante)
Cemitério municipal de Estreito amanheceu embaixo d’água. (Foto: Divulgação / TV Mirante)Formula da Reconquista

Até o momento, 400 famílias estão desabrigadas por contas das chuvas. Do G1 MA Chuvas deixam desabrigados no município de Tuntum (MA). (Foto: Divulgação/Paulino Silva) Por conta do grande volume de chuvas que atinge o Maranhão nos últimos dias, cinco municípios declararam estado de emergência. Os municípios de Marajá do Sena, Presidente Vargas, Brejo, Pedreiras e Trizidela do Vale estão sendo monitorados pela Defesa Civil Estadual. Até o momento, 400 famílias estão desabrigadas por conta dos riscos causados pela chuva.

Chuvas deixam desabrigados no município de Tuntum (MA).  (Foto: Divulgação/Paulino Silva)
Chuvas deixam desabrigados no município de Tuntum (MA). (Foto: Divulgação/Paulino Silva)Formula da Reconquista

O nível dos rios Itapecuru e Mearim, os dois principais rios do estado chegaram a subir quase cinco metros acima do nível normal. Segundo o Núcleo de Meteorologia da Universidade Estadual do Maranhão (Uema), tem chovido acima da média neste mês e a previsão é que ocorram mais chuvas fortes até o fim de abril. 



A média histórica de chuvas no mês de abril é de 476 milímetros, e de acordo com a meteorologia, a previsão é que este número seja ultrapassado. A expectativa é que somente a partir dos meses de maio, junho e julho é que tenha uma diminuição no volume de chuvas. 

Estragos causados pela chuva no estado 
Cemitério municipal de Estreito amanheceu embaixo d'água.  (Foto: Divulgação / TV Mirante)As chuvas causaram estragos no município de Estreito, a 750 km de São Luís. Nesta quinta-feira (12), o cemitério municipal amanheceu debaixo de água. Os túmulos foram praticamente encobertos com água que caiu durante a madrugada na região. 
Na última terça-feira (10), as fortes chuvas que caíram no estado provocaram uma enchente no município de Tuntum, a 365 km de São Luís. Ruas, avenidas e casas ficaram completamente alagadas obrigando centenas de moradores a deixarem o local. 
A enchente foi causada pelo transbordamento do Riacho Tuntum que cruza a cidade. Os moradores dos bairros Ana Isabel, Vila Mata, Tuntum de Cima e Residencial Maria Helena estão entre os bairros mais prejudicados com os alagamentos. 
Moradores tentam salvar alguns objetos de casas que ficaram alagadas no município de Tuntum (MA). (Foto: Divulgação/Paulino Silva)

Moradores tentam salvar alguns objetos de casas que ficaram alagadas no município de Tuntum (MA).  
O km 300 da BR-135, próximo a Presidente Dutra foi destruído pela chuva, o que comprometeu o trânsito no local. Por conta do alagamento, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) sinalizou dois desvios para facilitar o tráfego na área. Os motoristas que precisam passar pelo local, devem seguir pelo desvio que começa no município de São Mateus e termina em Caxias, outro desvio também começa em São Mateus e segue até Governador Eugênio de Barros. 
BR-135, momentos antes de ser completamente cortada pela água (Foto: Divulgação/PRF-MA)
BR-135, momentos antes de ser completamente cortada pela água (Foto: Divulgação/PRF-MA)Formula da Reconquista

Blog Jota Luis 

0 comentários:

Postar um comentário

Rede Sociais

Receber Noticias

Facebook

Horóscopo

Brasileirão (A)

Carregando...
Brasileirão

NOVELTY telecom

NOVELTY telecom
LIMA CAMPOS

DIST. BRASIL GÁS

DIST. BRASIL GÁS
ÁGUA É VIDA