sábado, 7 de outubro de 2017

Caxias - Professora se recusa a sair com homem, levou socos, cuspi no rosto, e não consegue registrar BO

Um ex-funcionário da Prefeitura Municipal de Caxias, de nome Guilherme Amorim, foi acusado pela professora Luana de Oliveira, que  diz ter sido agredida pela fato de se recusar a sair com ele. Amorim teria lhe dado um soco e uma cusparada. Ela tentou registrar uma queixa na delegacia, em vão.
Como não conseguiu registrar o Boletim de Ocorrência contra o agressor, Luana resolveu tornar o caso público  através de sua rede social e conta que foi agredida “pelo simples fato de ele querer sair comigo e eu dizer não. Eu disse não. Eu não quis sair com ele. Ele me deu um soco e cuspiu na minha cara”, afirmou.
Confira no vídeo abaixo o relato da professora. Como não consegue nem mesmo registrar um BO sobre a violência, sofrida, a professora não entende como nada em Caxias funciona.

0 comentários:

Postar um comentário

Rede Sociais

Receber Noticias

Facebook

Horóscopo

Brasileirão (A)

Carregando...
Brasileirão

NOVELTY telecom

NOVELTY telecom
LIMA CAMPOS

DIST. BRASIL GÁS

DIST. BRASIL GÁS
ÁGUA É VIDA